Conecte-se conosco

Geral

Temperatura em Porto Alegre neste domingo deve ultrapassar os 40ºC; um recorde para o mês de dezembro.

Publicado em

em

Porto Alegre bateu níveis recordes de temperatura na semana que passou, chegando a 35,6ºC na quinta-feira (14), com possibilidade de bater 40ºC neste domingo (17), com sensação térmica de até 46ºC. Esta pode ser a maior temperatura já registrada na história da capital para um dia de dezembro. O Inmet alertou a população sobre os riscos à saúde com um aviso de “perigo” relacionado ao calor.Neste domingo, a previsão aponta para temperaturas recordes na capital, com o calor predominando em todo o Estado. Espera-se fortes pancadas de chuva em Uruguaiana, Santa Maria e na região sul gaúcho, enquanto o restante do Rio Grande do Sul permanece sob tempo estável. A população deve estar atenta às condições climáticas divergentes e se preparar para as possíveis adversidades.Segundo o Inmet, uma massa de ar quente ganhou força em grande parte do centro-sul do Brasil. O fenômeno, além de elevar as temperaturas, reduz a umidade, a nebulosidade e as condições de chuva, sobretudo para as regiões Sudeste, Centro-Oeste e em parte do Sul.O Inmet considera que uma região enfrenta onda de calor quando a temperatura fica cinco graus celsius acima da média por um período entre três e cinco dias.Quinze Estados brasileiros e o Distrito Federal estão com alerta laranja de perigo com risco à saúde aos moradores. Há risco de incêndios florestais e à saúde, como ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz. A intensidade do aviso está relacionada com a persistência do fenômeno (número de dias consecutivos) e não apenas aos desvios de temperatura absolutos. O aviso é válido até o este domingo.“Está insuportável”, afirmou a comunicadora Maiara Dallagnol. “Apesar de ainda estarmos num período bastante chuvoso, o calor parece que está pior do que nos outros anos, mais forte. Para quem não tem ar-condocionado, que é meu caso, é preocupante”.Temporais e ventoCom o aumento das temperaturas e a presença de umidade ao longo da atmosfera é comum a formação de áreas de instabilidade, que podem provocar temporais isolados, com rajadas de vento acima de 70km/h, granizo e chuva localmente forte, principalmente entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.Neste domingo, com a aproximação de uma frente fria, é esperado o pico do calor durante a tarde na maioria das regiões, com a influência do vento quente e úmido de noroeste, que vai favorecer a ocorrência de temporais em grande parte do Sul do Brasil.Já nesta segunda (18), com o deslocamento da frente fria, aumento de umidade e a virada dos ventos de sul a sudeste, as temperaturas sofrem acentuado declínio, especialmente na região Sul, cessando a onda de calor, e, inclusive, trazendo temperaturas amenas para esta época do ano.

FONTE: O SUL

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *